Temporada Musical (2014.2)

J-pop, J-rock, K-pop, TW-pop, juntamente com as chamadas “anime songs”, são termos amplamente difundidos na linguagem cotidiana das mídias e dos consumidores da cultura pop asiática, sobretudo, no Brasil. Mais do que designar a música pop produzida nos países do Leste asiático – como Japão, Coréia do Sul e Taiwan – são termos que indicam um dado modelo de produção musical compartilhado por esses países que é inseparável de uma estratégia de afirmação nacional junto ao mercado da música global.

Visando discutir as questões referentes à música pop advinda do Extremo Oriente, o Asian Club promoveu sua temporada “Musical” no segundo semestre de 2014. O objetivo tácito da temporada consistiu na discussão acerca do circuito de produção, circulação e consumo da música pop produzida na Coréia do Sul, Taiwan e Japão, respectivamente.

Para o encontro de estréia da temporada, contemplamos a Coréia do Sul e o K-pop, gênero musical que engloba variados ritmos, melodias atraentes, refrões repetitivos, possuindo uma coreografia bem sincronizada. Assim, o objetivo do encontro foi apresentar um panorama da origem e do desenvolvimento da música K-pop ao longo das décadas, as principais agências de entretenimento dedicadas ao gênero, sua circulação e alcance internacional, bem como a relação dos fãs internacionais com esse estilo musical.

Já em nossa segunda sessão, apresentamos Taiwan e o TW-pop, através de um olhar mais atento sobre os atuais idols que representam a indústria da música pop taiwanesa, ainda pouco conhecida pelos críticos musicais e pela mídia hegemônica global e brasileira. Assim, a sessão contemplou uma escuta comentada de videoclipes de alguns dos principais expoentes do TW-pop atualmente, bem como a relação ética e estética desse estilo musical com a indústria da música pop e de dramas sul-coreanos, de onde advém sua inspiração em termos de produção e concepção.

E, finalmente, em nossa ultima sessão da temporada, apresentamos o Japão, com as anime songs e a música j-pop/j-rock como foco deste encontro. No Brasil, a música pop japonesa foi disseminada junto a um nicho do público brasileiro através das aberturas e encerramentos contidos nos animês, que se tornaram bastantes populares na década de 1990. A partir das chamadas anime songs, os fãs brasileiros puderam descobrir as particularidades desse tipo de canção, bem como ampliar a escuta a partir de gêneros do mercado musical japonês – tais como o j-pop, j-rock e o j-metal, dentre outros demais.

Por isso, neste ultimo encontro, a proposta foi explorar a diversidade sonora, musical e imagética existente na indústria da música japonesa contemporânea, buscando paralelos com a realidade taiwanesa e sul-coreana, que também foram foco das discussões da referida temporada.

– Sessões/Produções exibidas por encontro:

CORÉIA DO SUL: videoclipes e/ou documentários musicais (escuta comentada)

TAIWAN: videoclipes e/ou documentários musicais (escuta comentada)

JAPÃO: videoclipes e/ou documentários musicais (escuta comentada)