Apesar da Covid-19, Big Hit Entertainment apresenta aumento de lucros

Via Koreapost

Big Hit Entertainment, empresa do gigante do K-pop, BTS, anunciou em 11/08 que a receita de vendas do primeiro semestre de 2020 atingiu um recorde de 298 bilhões de won ($244 milhões de dólares) devido à venda de álbuns e shows online. Na conferência semestral que foi transmitida no YouTube, a empresa também afirmou que o lucro operacional durante o período de janeiro a junho foi estimado em 49,7 bilhões de won.

Ainda segundo a Big Hit, os números foram sujeitos a uma examinação oficial antes da confirmação. O evento aconteceu cerca de uma semana após a aprovação preliminar da empresa pela Korea Exchange, operadora da bolsa de valores da Coreia do Sul.

Conferência semestral transmitida pelo YouTube. Crédito: Big Hit Entertainment.

Em relação ao ano anterior, estimativas de vendas e lucro operacional representaram aumentos de 46,9% e 27,1%, respectivamente. Apesar do cancelamento da turnê mundial do BTS e de outras atividades devido ao COVID-19, Big Hit afirmou que conseguiu atingir recorde de vendas de álbuns digitais e físicos, além do show online pago do BTS, realizado em junho.

Graças às aquisições das agências de K-pop Pledis e Source Music, dos 100 melhores álbuns do Gaon chart operado pela Associação de Conteúdo de Música da Coreia, cerca de 40% de todos os álbuns vendidos durante o período fazem parte da “Big Hit Labels”. Entre os artistas estão BTSSeventeen, NU’ESTGFriend e TXT. Na conferência também foi anunciado que o BTS realizará uma série de shows, intitulados “BTS Map Of The Soul ON:E”, por meio de eventos presenciais e transmitidos virtualmente em outubro.

Novo álbum do BTS bate recorde de vendas na história do K-POP

Via Koreapost

Map of the Soul: 7, o novo álbum da boy band BTS, vendeu mais de 4,11 milhões de cópias nos primeiros nove dias de seu lançamento no mês passado, tornando-se o álbum mais vendido na história pop coreana. Levou nove dias para o novo álbum quebrar o recorde anterior de vendas de quase 3,4 milhões estabelecido pelo próprio álbum do BTS, Map of the Soul: Persona, lançado em abril do ano passado.

Crédito: Yonhap.

As vendas totais do “7” nos primeiros nove dias alcançaram 4.114.843 cópias, de acordo com a Big Hit Entertainment. O novo número de vendas também substitui os recordes de maior venda mensal e anual em 3,23 milhões e 3,72 milhões, respectivamente, estabelecidos por “Persona”, marcando uma carreira alta para a banda nas vendas de álbuns, disse Big Hit.

O álbum “7” lidera a parada de álbuns da Billboard 200 a algumas semanas, fazendo com que a banda conquistasse seu quarto número 1 na parada de álbuns. Aproveitando os bons ventos, o canal a cabo coreano Mnet, voltado para o K-POP, lançou um vídeo de entrevista do BTS no YouTube, para marcar o 25º aniversário do canal de música.